Buscar
  • Mônica Bergamo

VOCÊ SABIA QUE OS PRODUTOS QUÍMICOS EM PLÁSTICO PODEM AUMENTAM O RISCO DE CÂNCER DE MAMA?

Atualizado: 9 de Ago de 2019


Sabemos muito pouco sobre os efeitos combinados de algumas substâncias químicas dentro de nós. Mas o que sabemos é que 24% das doenças são causadas por toxinas no meio ambiente.

Existem milhares de produtos químicos de uso público que nunca foram testados quanto à segurança dentro do nosso corpo.

Os desreguladores endócrinos (EDCs), são um grupo de químicos que estão sendo usados ​​em números crescente de produtos domésticos. Os EDCs estão associados com muitos problemas de saúde, incluindo câncer, atrasos de desenvolvimento, problemas reprodutivos, mudanças de comportamento, obesidade e diabetes.


Os ftalatos são um dos piores criminosos entre os EDCs, pesquisas recentes demostraram riscos em adquirir câncer de mama. Para quem não conhece, os ftalatos são uma família de compostos fabricados pelo homem usados ​​para fabricar plásticos (incluindo PVCs), solventes e produtos para cuidados pessoais. Muitas vezes chamados de plastificantes, os ftalatos são líquidos oleosos, incolores e inodoros que aumentam a vida útil ou a durabilidade dos plásticos, tornando-os mais difíceis de quebrar e contribuindo para a flexibilidade de alguns plásticos.


Você pode ter ouvido falar dos ftalatos como "produto químico em todos os lugares". Eles podem ser encontrados em centenas, se não milhares, de produtos que encontramos todos os dias, como:

  • Dispositivos médicos;

  • Produtos de cuidado pessoal;

  • Brinquedos;

  • Roupas;

  • Chão de vinil;

  • Cortinas de chuveiro de plástico;

  • Esmaltes de unha;

  • Perfumes;

  • Hidratantes da pele;

  • Shampoos;

  • Recipientes para alimentos para microondas;

  • Fórmula infantil e leite;

  • Sacos de plástico.

Os ftalatos não se ligam quimicamente aos polímeros que são adicionados. Isso permite com que eles passem de um produto para outro, sejam absorvidos pelo corpo ou migrem para o ambiente.


Existe uma ligação entre a exposição ao ftalato e o risco de câncer de mama. Estamos expostos a ftalatos de várias maneiras: ingestão, inalação, injeções intravenosas e absorção pela pele. Quando os ftalatos são absorvidos pelo corpo, a maioria deles é decomposta em metabólitos que são excretados na urina, nas fezes, no sêmen e na saliva.


Como outros EDCs, os ftalatos interferem nos processos hormonais normais que são responsáveis pela eliminação de estrogênios ruins e conversão de estrogênios ruins em estrogênios o bons.


Os ftalatos podem se ligar ao receptor de estrogênio, o que significa que eles podem imitar ou bloquear hormônios femininos. Essa interação preocupa devido oa aumento no risco de câncer de mama. Estudos demonstraram esse efeito em vários metabólitos de ftalato em células de câncer de mama, incluindo:

  • Butil benzil ftalato (BBP);

  • Ftalato de di-n-butilo (DBP);

  • Di (2-etilhexil) ftalato (DEHP);

  • Di-isobutil ftalato (DiBP);

  • Ftalato de dietilo (DEP).

Os ftalatos são um dos muitos EDCs aos quais os seres humanos são expostos. A possibilidade de uma ação conjunta por misturas de desreguladores endócrinos ainda precisa ser examinada. Mas quando isso ocorre, os ftolatos podem contribuir para a toxicidade reprodutiva.


Infelizmente, evitar EDCs como ftalatos está se tornando quase impossível em nosso mundo, mas existem medidas que você pode tomar para reduzir sua exposição. Anote essas siglas, evite a exposição!


#dramonicabergamo #dicasdadra #infoblog

22 visualizações

ATENDIMENTO

CLÍNICA ISA DERMATO

Rua Raul Píres Barbosa, 1119 - Vila Manoel da Costa Lima - MS, 79040-150

Horário de Atendimento:

Segunda-Feira a Sexta-Feira: 07:00hs - 19:00hs 

TELEFONE: +55 67 3305-2951

CONTATO

  • White Facebook Icon
  • Branca Ícone Instagram